domingo, 27 de fevereiro de 2011

Mágoa? Rancor?


A vida me ensina o tempo todo, às vezes através do amor, às vezes de forma divertida, outras vezes de forma muito, muito dura.

Uma das coisas que descobri sobre mim foi que não guardo mágoa ou rancor das pessoas. A vida segue, as pessoas mudam o tempo todo, e o meu olhar em relação às pessoas muda junto.

Ninguém é 100% ruim nem 100% bom, cada um é o que é ,independente do que eu achar ou quiser.

Um frase para ilustrar, sábia e maravilhosa, que li pela primeira vez no final do quarto ano da faculdade, numa comemoração de amigo secreto, uma das professoras escreveu na lousa, e nunca mais esqueci:

"Eu faço minhas coisas, você faz as suas
Não estou neste mundo para viver de acordo com as suas expectativas

E você não está neste mundo para viver de acordo com as minhas
Você é você e eu sou eu
E se por acaso nos encontramos, é lindo

Se não, nada há a fazer."


Frederick Perls
A Oração da Gestalt Terapia

Sempre aprendendo... segundo o dicionário:
Mágoa = Tristeza; desgosto; dor de alma; amargura.
Rancor = Ódio secreto e profundo.
Ditado sábio = “A raiva é um veneno que a gente toma esperando que o outro morra.”
Outro ditado bom = "águas passadas não movem moinhos."

Boa semana a todos!!!
Beijo!

2 comentários:

Isabela disse...

Eu também sou como você. Não consigo guardar mágoa nem rancor de ninguém. As coisas passam e eu esqueço.

Mas nem sempre as pessoas são assim comigo. Por exemplo: tem uma pessoa a quem eu ajudei muito na vida, fiz tudo o que podia por ela, e hoje ela me odeia profundamente e vira a cara quando me vê na rua. É duro, viu? Mas bola pra frente! Sigam comigo os que forem meus!

bjssss

Escrever para Emagrecer disse...

Oi, Clau!
Eu queria ser assim, mais tranquila e sem mágoas... me dá a receita?
Tenho ficado meio ausente pq tenho tido muito trabalho dentro e fora de casa.
Atingi minha meta!!!!!!!! Veja minhas fotos lá no blog: http://escrevepraemagrecer.blogspot.com/2011/03/atingi-minha-meta.html

Bjs,

Solange