domingo, 29 de agosto de 2010

Partidas e Chegadas


Oi galéééra do bem!!!

Esta semana uma amiga da época da faculdade e minha madrinha de casamento, que estava sumida há uns dois anos, me mandou um email dizendo que havia sonhado comigo e eu estava triste triste no sonho.

Vcs acreditam nesta coisa de energia que flui, que caminha pelo Universo? Eu acredito, muito! Ela me mandou este email exatamente um mês depois do falecimento do meu paizinho. Quando respondi com a notícia ela me mandou o texto abaixo. Eu TINHA q postar porque achei de uma sutileza, de uma verdade impressionantes, divido com vcs:

Quando observamos, da praia,
um veleiro a afastar-se da costa,
navegando mar adentro,
impelido pela brisa matinal,
estamos diante de um espetáculo
de beleza rara.

O barco, impulsionado
pela força dos ventos,
vai ganhando o mar azul
e nos parece cada vez menor.

Não demora muito e
só podemos contemplar
um pequeno ponto branco
na linha remota e indecisa,
onde o mar e o céu se
encontram.

Quem observa o veleiro sumir
na linha do horizonte,
certamente exclamará:
"já se foi".
Terá sumido?
Evaporado?

Não, certamente.
Apenas o perdemos de vista.

O barco continua do mesmo
tamanho e com a mesma
capacidade que tinha quando
estava próximo de nós.

Continua tão capaz quanto antes
de levar ao porto de destino
as cargas recebidas.

O veleiro não evaporou, apenas
não o podemos mais ver.

Mas ele continua o mesmo.
E talvez, no exato instante
em que alguém diz:
já se foi",
haverá outras vozes,
mais além,a afirmar:
"lá vem o veleiro".

Assim é a morte.

Quando o veleiro parte, levando
a preciosa carga de um amor
que nos foi caro, e o vemos sumir
na linha que separa o visível
do invisível dizemos:
"já se foi".
Terá sumido?
Evaporado?

Não, certamente.
Apenas o perdemos de vista.

O ser que amamos continua
o mesmo.
Sua capacidade mental
não se perdeu.

Suas conquistas seguem
intactas, da mesma forma que
quando estava ao nosso lado.

Conserva o mesmo afeto
que nutria por nós.

Nada se perde, a não ser
o corpo físico de que não mais
necessita no outro lado.

E é assim que, no mesmo
instante em que dizemos:
já se foi", no mais além,
outro alguém dirá feliz:
"já está chegando".

Chegou ao destino levando
consigo as aquisições feitas
durante a viagem terrena.

A vida jamais se interrompe
nem oferece mudanças
espetaculares, pois a natureza
não dá saltos.

Cada um leva sua carga
de vícios e virtudes, de afetos e
desafetos, até que se resolva
por desfazer-se do que julgar
desnecessário.

A vida é feita de partidas
e chegadas. De idas e vindas.

Assim, o que para uns parece
ser a partida, para outros
é a chegada.

Um dia partimos do mundo
espiritual na direção do
mundo físico; noutro partimos
daqui para o espiritual, num
constante ir e vir,
como viajores da imortalidade
que somos todos nós.


Victor Hugo (Pensador)

4 comentários:

Marcia disse...

Nossa, que lindo! E trás uma paz, uma calma, uma certeza que tudo dará certo!
Bjs

Ana Lucia - Recomeçar em 2010 disse...

Oi flor estou passando pra te desejar um excelente final de semana
Bjokas!!!

Amanda disse...

OLA LINDONA QUE LINDO, É LINDO MESMO, E É A PURA VERDADE, AMIGA DESEJO MUITA FORÇA PRA VC TÁ BJINHOS E FICA COM DEUS....

♥ Fernanda ♥ disse...

Oi more...
Lendo isso a partida torna-se mais leve.
" Assim, o que para uns parece
ser a partida, para outros
é a chegada. "
Beijo...